Todas as notícias

Na terça-feira, 24 de março de 2020, foi realizada uma teleconferência pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Governo do Chile e a Fundação Chile Descentralizado para analisar e definir um programa de apoio à criação de Centros de Pensamento Estratégico Territorial, que sustentará o desenho de politicas territoriais dos novos governos regionais que serão[...]

A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), em fevereiro de 2020, passou por forte aceleração, fechando em alta de 0,80%, bem superior ao 0,28% registrado em janeiro. Dentre as 16 cidades/regiões metropolitanas pesquisadas, a inflação de Fortaleza foi a maior, seguida por Aracaju (SE),[...]

Entre 1997 e 2019 ocorreu uma elevada diversificação da pauta de exportações cearenses. No ano passado foram 1.507 produtos diferentes, quantidade cinco vezes maior que a observada em 1997 (299). Com relação as importações, a diversificação por produtos é bem maior, com um total de 2.465 em 2019 ( em 1997 eram 2.130). As informações[...]

“A violência contra a mulher é um fenômeno social complexo que demanda políticas públicas intersetoriais de curto, médio e longo prazo”. É o que afirma o analista de Políticas Públicas Victor Hugo de Oliveira Silva, que integra a Diretoria de Estudos Sociais (Disoc) do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece). Autor do[...]

A pauta de exportações cearenses, entre 1997 e 2019, passou por intensa diversificação, especialmente nos últimos anos, na direção dos produtos de menor participação (na pauta) e uma forte reestruturação no grupo dos principais grupos de produtos exportados. As vendas cearenses foram lideradas pelas exportações do setor de Calçados, polainas e artefatos semelhantes; suas partes,[...]

As expectativas para a economia cearense seguem positivas para 2020. A taxa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), projetada pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), em janeiro, é 2,38%. O Estado encerrou o ano de 2019 com redução da taxa de desocupação, que caiu a patamar inferior ao nacional. Também[...]

Em 2018, o Ceará apresentou 18 indicadores com melhores desempenhos do que o Nordeste e dois superaram tanto o  Nordeste quanto o Brasil, totalizando em 77% dos 26 indicadores principais analisados, como demografia, condições de domicílios, educação, mercado de trabalho e pobreza e desigualdade. No entanto, as conquistas na área de educação ganham destaque, uma[...]