Novo trabalho do Ipece apresenta a importância do monitoramento e avaliação da rotatividade dos servidores públicos estaduais no processo de gestão de pessoas dentro do Setor Público

8 de abril de 2021 - 16:00

A análise da rotatividade dos servidores públicos do estado do Ceará, de forma mais aprofundada, como por exemplo, vínculo (estatutário, empregado público, comissionado e terceirizado), motivo de desligamento e órgão do estado, é, para o Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), uma ferramenta fundamental para a Coordenadoria de Gestão de Pessoas tomar decisões mais eficientes. Justamente por isso, o Instituto acaba de lançar a Nota Técnica  (nº 73 / abril de 2021) – Rotatividade de Recursos Humanos no Poder Executivo Estadual. O trabalho apresenta a importância do monitoramento e avaliação da Rotatividade de Recursos Humanos no processo de gestão de pessoas dentro do Setor Público.

Dentre as opções de metodologias de cálculo do Índice de Rotatividade apresentadas, o Ipece sugere que o estado do Ceará adote o cálculo do Índice Global de Rotatividade como indicador do Tema Gestão e Desenvolvimento de Pessoas para o PPA 2020-2023, a mesma da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho / Ministério da Economia. A metodologia foi desenvolvida e adotada pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), desde 2011, considerando o mínimo entre as admissões e desligamentos no período de referência, e as demais especificidades sugerias.

O trabalho, que tem como autores a titular da Diretoria de Estudos de Gestão Pública (Digep), Marília Rodrigues Firmiano, o analista de Políticas Públicas Alexsandre Lira Cavalcante e o assessor Técnico Aprígio Botelho Lócio, ressalta a importância do Índice Setorial de Rotatividade, pois permite, no âmbito de gestão de pessoas, uma melhor eficiência na Gestão de Pessoal e que impacta diretamente na Gestão Pública por Resultados (GpR).

Clique aqui e acesse a Nota Técnica N° 73 – Rotatividade de Recursos Humanos no Poder Executivo Estadual.

Assessoria de Comunicação do Ipece
(85) 3101.3509