Novo trabalho do Ipece apresenta as diferenças metodológicas das pesquisas domiciliares PNAD, PME e PNAD

11 de agosto de 2017 - 11:25

O Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece) acaba de publicar a Nota Técnica Caracterização das Pesquisas Domiciliares com Ênfase na PNAD Contínua (nº 64 – agosto de 2017), que tem como objetivo apresentar as principais diferenças metodológicas das pesquisas domiciliares PNAD, PME e PNAD Contínua, bem como os mais variados indicadores no que tange ao mercado de trabalho tais como trabalho remunerado, ocupação, desocupação e taxa de desemprego utilizado por elas ao longo dos anos.

O documento, elaborado por Daniel Suliano, analista de Políticas Públicas, e por Matheus Carvalho (Estagiário), destaca uma análise mais detida dos principais indicadores socioeconômicos da PNAD Contínua e das variáveis que são atualmente mensuradas na pesquisa para a análise de fluxos, dinâmica e indicadores da Força de Trabalho. A Série Notas Técnicas do Ipece tem como objetivo a divulgação de trabalhos técnicos elabora pelos servidores do órgão, detalhando a metodologia emprega para análise de temas de interessa do Estado do Ceará.

Clique aqui para acessar a Nota Técnica Nº 64 – Caracterização das Pesquisas Domiciliares com Ênfase na PNAD Contínua

11.08.2017

Assessoria de Comunicação do Ipece
Pádua Martins
(85) 3101.3509
padua.martins@ipece.ce.gov.br