Diretor Geral do IPECE concede entrevista aos jornalistas do Sistema Verdes Mares

23 de junho de 2016 - 10:00

O diretor geral do IPECE, Flávio Ataliba, foi o convidado do dia para o programa de entrevistas Vira e Mexe, da TV Diário. No bate-papo com apresentador e ex-deputado federal Edson Silva, Flávio Ataliba falou de vários temas, como por exemplo da retração da economia em diversos setores, principalmente comércio e  serviços. A crise hídrica em que vive o Ceará pelo 5º ano consecutivo também tem agravado o setor agropecuário.

Na entrevista, que será exibida nessa sexta-feira (24) às 6h da manhã, o diretor do IPECE destacou que há um esforço muito grande do Governo do Estado para equilibrar a economia cearense. No ano passado o Ceará foi o 3º Estado que mais investiu em termos absolutos, ficando atrás apenas de São Paulo e do Rio de Janeiro. “No momento em que há uma retração natural do investidor privado devido às incertezas no campo político, é fundamental que o setor  público possa contrabalancear a falta dos incentivos privados construindo estradas, açudes, escolas e hospitais.”, afirmou o diretor do IPECE.

Logo depois da gravação, Flávio Ataliba visitou as redações da Rádio Verdes Mares (AM 810), Diário do Nordeste e TV Verdes Mares/G1 e concedeu outras  entrevistas para jornalistas. O colunista de economia do jornal Diário do Nordeste, Egídio Serpa, gravou com o diretor geral do IPECE nos estúdios da TVDN. Egídio Serpa deu destaque ao projeto “Atlas de Divisas Municipais Georreferenciadas do Estado do Ceará”, realizado pelos técnicos do IPECE em parceria com o IBGE e Assembleia Legislativa do Ceará.

A mesma temática seguiu a repórter do portal de notícias G1 e da TV Verdes Mares. A emissora está preparando uma reportagem para o telejornal CETV 2ª Edição mostrando o que foi feito até agora, as expectativas para a finalização e a importância desse trabalho.

O projeto Atlas de Divisas começou a ser elaborado em 2010 após convênio firmado com IBGE e Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, entidade responsável por toda articulação com os municípios para celebração de termos de ajuste de divisas e transformação do memorial descritivo atualizado em Lei.

A última lei que consolidou os limites intermunicipais do Estado do Ceará foi a Lei 1.153 de 22 de Novembro de 1951, quando havia apenas 95 municípios em todo Estado. “A indefinição dos limites traz sérios problemas para os administradores e habitantes como, por exemplo: a administração em áreas pertencentes a outro município, distorção de dados estatísticos, arrecadação de impostos indevida, eleitores cadastrados fora do domicílio eleitoral, entre outros” ressaltou Flávio Ataliba.

Até agora foram firmados 26 termos de ajuste de divisas municipais e a previsão para o fim dos trabalhos é no segundo semestre de 2017 quando serão concluídos os mapas municipais e memoriais descritivos georreferenciados de todos os municípios cearenses, para transformação  em Lei pela Assembleia Legislativa, devendo ser lançado também o Livro Atlas de Divisas.

 

Informações para a imprensa:

Joanna Cruz

Assessora de Comunicação do IPECE

(85)3101.3508 / 9.9998.9134